Ex-jogador da NBA afirma que 80% dos atletas da liga usam maconha

Jay Williams, ex-jogador do Chicago Bulls, defende uso da cannabis de forma medicinal, e critica a condenação dos usuários.

Em declaração polêmica para o Fox Business, o ex-jogador do Chicago Bulls Jay Williams declarou que cerca de 80% de todos os jogadores da NBA usam cannabis para aliviar dores e o estresse das competições. Ele defende a descriminalização da erva e, na entrevista, criticou a condenação dos atletas pegos em antidopping.

“Já vi jogadores viciados em medicamentos receitados por médicos, mas só quando se fala em maconha é que se condena. É algo que está demonizado na sociedade e sem razão. O uso de cannabis ajuda a tratar inflamações e acalma a ansiedade. E há medicamentos que nos deixam em pior estado, mas são legais”.

Leia também:
+ Ex-jogador da NBA entra no mercado da cannabis
+ Jogador da NFL pode voltar para cadeia por causa de maconha

Atualmente, 24 estados dos EUA legalizaram o uso da cannabis para fins médicos. No entanto, a NBA proíbe o consumo da erva para qualquer finalidade.

Para Williams, a NBA deveria ser mais liberal sobre a questão.

“Eu não estou falando só de atletas, vamos falar da sociedade.  Eu conheço muitas pessoas que usam (maconha). É algo que o mundo inteiro está ficando mais liberal. Então já está na hora de algumas dessas entidades (como a NBA) fazerem o mesmo”.

Fonte: Fox Business, Esporte Interativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *