Mesmo com autorização, Sativex ainda não é vendido no país

Autorização para comercializar este remédio à base de THC nas farmácias foi concedida há um ano pela Anvisa

Numa visão de vanguarda (e também de mercado), a Anvisa autorizou em janeiro do ano passado a comercialização do Mevatyl, remédio á base de THC vendido em outro países como Sativex. Os pacientes que lidam constantemente com a burocracia e altos custos da importação deste medicamento comemoraram a decisão. No entanto, doze meses depois, as farmácias brasileiras ainda não dispõe deste remédio.

+ Paciente comemora autorização para importar Sativex

O motivo, segundo o grupo farmacêutico Ipsen, responsável pela venda do Mevatyl no país, é o processo de importação. No entanto, a empresa afirmou que o remédio estará disponível nas farmácias no primeiro semestre de 2018.

No ano passado, foi divulgado que o remédio seria vendido por $2,8 mil nas farmácias brasileiras. Mas, segundo reportagem do Hoje em Dia, o Ministério da Saúde revelou que o Mevatyl custará R$ 2.129,69.

O preço foi definido pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), órgão que regula esse mercado no país, gerido pelo ministério junto com a Anvisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *