No Paraguai, senadores aprovam uso medicinal de cannabis

Projeto de lei foi aprovado na terça-feira (5) pelo Senado. Medida precisa ser sancionada pelo presidente Horacio Cartes.

Os usuários de cannabis do Paraguai, principalmente os medicinais, têm motivos para comemorar de sobra. Os senadores aprovaram na terça-feira (5/12) um projeto de lei que permite o uso medicinal da cannabis no país, e também lança um programa nacional para a pesquisa médica e científica da planta.

+ Peru legaliza cannabis com fins medicinais

A futura lei vai permitir que pacientes previamente inscritos tenham acesso gratuito ao óleo de maconha e a todos os derivados da erva, desde que observem as devidas exigências.

A Direção Nacional de Vigilância Sanitária ficará encarregada da aplicação das medidas de saúde, cabendo à Secretaria Nacional de Combate às Drogas a supervisão das atividades de pesquisa, e à Secretaria Nacional de Qualidade e Saúde Vegetal o controle da produção da maconha.

De acordo com o senador Eber Ovelar, autor do projeto, a lei “abre as portas para estudos que permitam obter os benefícios da maconha como medicamento alternativo em casos de epilepsia e esclerose, entre outros”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *