Prefeito de Manaus defende legalização em evento

Para Arthur Neto, deveria haver uma “venda alternativa” de maconha para enfraquecer o poder do tráfico de drogas.

Aos poucos o tema “legalização da cannabis” vai ganhando espaço na política brasileira. O mais novo membro a defender esta ideia é o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB-AM). Em evento realizado no Rio de Janeiro, no final do mês passado, ele defendeu a ideia de uma comercialização alternativa da maconha como forma de combater o tráfico de drogas.

+ No Piauí, governador autoriza produção de óleo de CBD
+ Em MG, apreensão de cultivadores cresce 53% em 10 meses

“A maconha que hoje é vendida pelo traficante poderia ser vendida de outra forma. Deveria haver fiscalização das drogas pesadas. Os traficantes teriam um rombo. Nós os enfrentaríamos!”, afirmou Arthur. A declaração foi feita na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), e reproduzida pelo Twitter do prefeito.

Sobre as drogas, o prefeito afirmou que é preciso compor uma Política Nacional de Segurança Pública, com investimentos também voltados para a Educação. “Cada pessoa que ganhamos para a Educação, nós a retiramos do tráfico de drogas”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *